As marcas escuras na pele são resultado de diversos fatores, como exposição solar prolongada, envelhecimento natural e cicatrizes de acne. Embora geralmente não sejam indicativos de problemas graves de saúde, sabemos que podem afetar a autoestima.

A boa notícia é que existem opções para lidar com essas marquinhas. Compreender cada marca como parte de nossa jornada é o primeiro passo.

Pensando nisso, NIVEA preparou um guia prático para te ajudar a cuidar, tratar e prevenir marcas escuras na pele e promover a beleza e o bem-estar da sua pele.

O QUE É HIPERPIGMENTAÇÃO DA PELE?

hiperpigmentação da pele é o resultado do excesso de produção de melanina, hormônio responsável pela cor da pele.

Basicamente, alguns fatores como o sol, hormônios ou produtos químicos podem causar um desequilíbrio nos melanócitos, que se agrupam e criam marcas de diferentes tonalidades na pele do corpo e do rosto

 

O QUE É MELANINA?

A melanina é o pigmento que nosso corpo produz para dar cor à nossa pele, cabelo e olhos.

Assim, quando os melanócitos, células que produzem a melanina, são estimuladas a produzir esse pigmento em excesso, algumas partes do nosso corpo acabam ganhando uma coloração diferente, mais escura. 

É assim que a hiperpigmentação ocorre. É por essa razão também que condições como o albinismo e o vitiligo estão diretamente ligadas à produção de melanina no corpo.  

Além de conferir cor, a principal função da melanina é proteger a pele contra os raios solares. Por isso a exposição solar excessiva também é um fator de risco para o surgimento de marcas escuras na pele

Vários outros fatores podem causar essa produção desregulada de melanina, incluindo mudanças hormonais, inflamações e irritações de pele e o uso de alguns medicamentos. 

O QUE CAUSA MARCAS ESCURAS NA PELE?

Como vimos, a origem das marcas escuras está na produção excessiva ou desregulada da melanina. Apesar disso, as causas das marcas escuras pode variar muito.

Vale lembrar, também, que cada caso demanda um tratamento diferente! Por isso, é importante saber qual é o seu, e de onde vêm as suas marcas escuras. Assim, é possivel prevenir e tratá-las mais efetivamente, e conquistar uma pele mais uniforme. 

Vamos explorar algumas causas das marcas escuras:

Exposição ao sol

O excesso de exposição ao sol sem a proteção do filtro solar é uma das principais causas do surgimento de marcas escuras no rosto.

Isso porque os raios UVB do sol estimulam a produção de melanina, o que pode levar ao surgimento de manchas marrons ou escuras.

Outras regiões propensas a desenvolver marcas são os ombros, colo, braços e mãos.

Além de manchar a pele, o sol também tem a capacidade de causar envelhecimento precoce às células.

Por essa razão, manchas de sol são também chamadas de manchas de idade.

Alterações hormonais e estresse

Alguns tipos de alterações hormonais no corpo podem estimular a produção de melanina no rosto.

A gravidez e a menopausa, por exemplo, são conhecidas por amplificar a produção de certos tipos de hormônios.

Assim, podem surgir marcas escuras sobretudo na testa e nas maçãs do rosto.

O estresse também pode causar desequilíbrio hormonal e amplificar as marcas já existentes.

Falta de cuidados com a pele

A falta de cuidados diários com a pele também é uma das principais causas do surgimento de manchas escuras.

Isso porque uma pele não cuidada está mais propensa a ficar ressecada, desidratada e com poros obstruídos.

Quando a pele está ressecada, ela fica mais sensível e vulnerável a agressões externas, como a exposição ao sol.

Já a pele desidratada também fica mais frágil e propensa a manchas.

Além disso, os poros obstruídos podem levar ao surgimento de espinhas e cravos. E, como já vimos, essas lesões podem deixar cicatrizes escuras na pele. 

Lesões na pele

Algumas lesões na pele podem surgir por conta de algumas condições dermatológicas. 

Lesões como espinhas, cravos, acne, ceratose seborreica e até mesmo cicatrizes cirúrgicas podem deixar marcas escuras na pele.

Isso porque elas fazem com que a pele fique inflamada, o que pode levar ao aumento da produção de melanina.

O QUE PODEM SER MARCAS ESCURAS NA PELE?

As marcas escuras na pele têm três categorias distintas, baseadas no prefixo “mela”, que em grego quer dizer “escuro”.

Portanto, elas podem pertencer a três categorias diferentes. Vamos entender um pouco mais sobre cada uma delas! 

MELANOSES

As melanoses são as marcas provocadas na pele pela exposição aos raios ultravioleta do sol, normalmente constante e direta. Também chamadas de manchas senis, elas têm um aspecto castanho ou amarronzado devido à hiperpigmentação da pele.  

Apesar de serem lesões benignas, muitas vezes causam desconforto estético devido à quebra na uniformização do tom da pele.  

MELASMAS

O melasma é caracterizado por marcas escuras na pele, especialmente na região do rosto. Assim como as melanoses, suas causas também estão associadas à exposição solar.  

No entanto, para o melasma, existem outros fatores. Ele pode ser desencadeado por alterações hormonais, gravidez, condições genéticas ou até mesmo pelo uso de anticoncepcionais. Por essa razão, o surgimento de melasma é mais comum em mulheres.  

MELANOMAS (CÂNCER DE PELE)

Popularmente conhecido como câncer de pele, o melanoma é caracterizado por marcas escuras na pele que podem mudar de cor e tamanho.  

Em geral, o grupo de risco é composto de pessoas de pele muito clara e que não cultivam o hábito de usar protetor solar. Embora seja um tipo de câncer que se espalha rapidamente, é considerado curável se o diagnóstico for precoce.  

COMO PREVENIR MARCAS ESCURAS NA PELE?

A melhor forma de prevenir marcas escuras na pele é tomando certas precauções com relação ao sol

Quando estiver em locais de exposição solar, como na praia, evite o horário entre as 10h e as 16h.  
 
Esse é o período de maior incidência dos raios ultravioleta, responsáveis pelo surgimento de manchas. 

Use um protetor solar com FPS 30 ou superior todos os dias, reaplicando a cada duas horas ou mais vezes se estiver transpirando ou se expondo à água.

Você também deve usar chapéu, óculos de sol e roupas de proteção solar quando estiver ao ar livre. 

Porém, a luz solar não é o único fator a ser levado em consideração. Dentro de casa, aparelhos eletrônicos e lâmpadas emitem o que chamamos de luz azul.

Esse tipo de iluminação emite a mesma radiação do sol, acelerando o processo de surgimento de manchas escuras na pele.  

COMO CLAREAR MARCAS ESCURAS NA PELE?

Existem uma série de produtos e procedimentos estéticos que podem ajudar a clarear essas marcas. O tratamento ideal deve ser escolhido de acordo com o tipo e a gravidade das marcas, bem como com a preferência do paciente.

Vamos conhecer alguns desses, mas é importante lembrar de sempre consultar um profissional da saúde antes de iniciar qualquer tipo de tratamento dermatológico.

PRODUTOS ILUMINADORES E CLAREADORES

Alguns tipos de cosméticos têm em sua composição ativos iluminadores e clareadores de pele que trabalham na redução das marcas no rosto. 

Esses ativos podem variar desde ácidos até vitaminas, que atuam no rosto para reduzir os efeitos da hiperpigmentação.  

Em geral, os veículos para essas substâncias são produtos como o sérum facial e o creme facial, disponíveis em farmácias e sites de e-commerce a preços acessíveis. 

PEELING E ESFOLIAÇÃO

A palavra “peel” vem do inglês “descamar”. Logo, as técnicas de peeling e esfoliação consistem em promover uma descamação controlada da pele do rosto, agindo como tratamento para algumas condições dermatológicas. Dentre elas, o clareamento de marcas escuras na pele.  

Esses procedimentos podem ser realizados por meio de produtos químicos, como diversos tipos de ácidos, ou métodos físicos, como a microdermoabrasão. Além de clínicas e centros de saúde da pele, existem cosméticos que promovem o peeling e a esfoliação de uma maneira menos intensiva, agindo como alternativas válidas. 

LUZ INTENSA PULSADA E MICROAGULHAMENTO

Além do peeling e da esfoliação, a luz intensa pulsada é outra técnica utilizada para redução das marcas escuras na pele. Ela consiste no uso de um aparelho que emite feixes de luz sequenciais que geram calor e atingem somente o tecido selecionado. No caso das marcas, apenas o tecido afetado por hiperpigmentação é lesionado. 

Outra opção é o microagulhamento. O nome do procedimento já revela sua natureza: são várias pequenas agulhas, dispostas em um rolo ou carimbo, que perfuram a pele e rearranjam as moléculas de melanina. Assim, as marcas no rosto se dissolvem e sua intensidade é reduzida.

PROCEDIMENTOS CASEIROS

Existem pessoas com pele sensível ou alergias aos principais componentes dos produtos e técnicas mencionados até aqui. Mas isso não significa que elas devam ficar sem opções de tratamento. Para lidar com marcas escuras na pele, existem ingredientes naturais que podem auxiliar em casos de peles mais exigentes.  

Um deles é a aloe vera, também conhecida como babosa. A famosa planta possui ativos como o alosin e a aloína, que ajudam a reduzir melanomas e melasmas. Outra opção é o azeite de oliva extravirgem e produtos oleoginosos, como o óleo de coco, o óleo de amêndoas e o óleo de jojoba.  

PRINCIPAIS INGREDIENTES PARA COMBATER MARCAS NA PELE

Para cuidar da sua pele, é importante saber quais são os ingredientes que melhor se adaptam à sua rotina de skin care. Uma boa leitura sobre seu uso e aplicações pode tirar dúvidas e transformar completamente o seu dia a dia, garantindo maior eficácia e uma pele bonita.  

ÁCIDOS

Não se deixe enganar pela palavra ácido: eles são substâncias de alta eficácia no tratamento de condições de pele. 

Os ácidos estão presentes em produtos como iluminadores e clareadores e em procedimentos estéticos como o peeling. 

Algumas opções são o ácido retinoico, derivado da vitamina A, e o ácido glicólico, extraído da cana de açúcar. 

Outra opção igualmente eficiente é o ácido salicílico, já tradicionai no tratamento de marcas escuras na pele causadas por acne.  

VITAMINAS

Presente em frutas cítricas como a laranja e o limão, a vitamina C já tem uma boa reputação na medicina para aumento da imunidade. O que pouca gente sabe é que os seus efeitos também se aplicam à pele. 

A vitamina C é capaz de reduzir a produção excessiva de melanina, ajudando a combater a formação de marcas.

Outra vitamina que está recebendo atenção nos últimos anos é a vitamina E. Sua ação tem propriedades antioxidantes e hidrata a pele, oferecendo proteção contra os raios solares, os maiores causadores de manchas escuras na pele. 

Além de cosméticos especializados, a vitamina E está presente em vegetais verde-escuros, gema de ovo, fígado e óleos vegetais.

HIDROQUINONA

O último ingrediente da lista é um dos menos conhecidos, mas não deixa de ser eficaz. A hidroquinona é um composto orgânico que atua na pele competindo com a enzima tirosinase, responsável pela produção de melanina no corpo. O resultado desse enfrentamento é a redução da produção de melanina.  

A parte interessante da hidroquinona é que seu efeito não é apenas imediato. Com o passar do tempo, ela promove uma mudança estrutural na composição da pele. Na prática, isso significa que o produto degrada as células responsáveis pela produção de melanina, o que oferece melhores resultados a longo prazo.  

QUANDO DEVO PROCURAR UM DERMATOLOGISTA?

A resposta é: sempre. A pele é um órgão que precisa de cuidados e acompanhamento constantes tanto quanto as outras partes do seu corpo. Porém, existem momentos que se destacam na relação entre o paciente e seu médico dermatologista.  
 
O primeiro deles é quando a pele está em crise. Para quem tem condições dermatológicas, é preciso ter cuidado para realizar a manutenção do seu tratamento.  
 
Outro momento importante é quando você inserir ou mudar algum componente dentre os cosméticos da sua rotina de skincare. Pergunte ao seu dermatologista se a mudança é aconselhável e se os produtos se adaptam ao seu tipo de pele, principalmente sobre a pele do rosto por sua maior sensibilidade.  

Assim, você consegue antecipar imprevistos como a má compatibilidade do produto com o seu corpo e reduzir possíveis efeitos colaterais. Garanta o seu bem-estar e promova sensações únicas com cosméticos aprovados por profissionais capacitados.

REDUZA AS MARCAS NO ROSTO COM NIVEA

Esfoliantes

3 produtos

Rosto

113 produtos

Antissinais

25 produtos